Entenda sua fatura Vivo Fibra e economize mais

Todos os meses você recebe a fatura da sua internet em casa correto? Mas muitas vezes só ficamos atentos ao valor total e não nos damos conta de outras informações importantes que estão impressas no boleto. Para que você não fique mais com dúvidas em relação aos principais dados que estão no documento, vamos explicar o que significa o que.

Entendendo sua fatura Vivo

Frente

Há informações na frente e no verso da sua fatura, fique ligado:

1 – Local: Mostrará seu endereço e telefone

2 – Total da sua fatura: Valor total da sua fatura mensal, bem como a data de vencimento e mês de referência.

3 – Código de barras

4 – Endereço para devolução da conta, caso o primeiro endereço não seja localizado

5 – Serviços: Atenção, dê uma pausa por aqui, verifique se todos os serviços descritos foram realmente utilizados por você durante o mês.

6 – Informações adicionais. A Vivo traz um aviso importante, de que se você pagar em dia a fatura, terá chances de evitar multa de 2% ao mês. Não se esqueça da data de pagamento! Coloque no seu despertador, assim fica mais fácil de você lembrar o dia do vencimento.

7 – Informações sobre o Serviço de Atendimento ao Consumidor, lá você saberá em qual telefone ligar caso haja algum problema com seu plano de internet ou telefone fixo.

8 – Se você estiver inadimplente, a operadora te avisará para que a situação seja regularizada.

9 –Campo de autenticação do agente bancário

10 – Canhoto do recibo, contendo as principais informações da fatura Vivo

Verso

1 – Informações cadastrais do telefone

2 – Total da fatura, vencimento e mês de referência

3 –  Endereço de devolução da conta

4- Descrições de serviços utilizados

5 – Informações de ICMS inclusos nos serviços

7 – Formulário de autorização para cadastro de débito automático.

 

Como economizar analisando minha fatura Vivo?

Compreendendo sua fatura, você terá mais controle sobre seus gastos. Além disso, você pode visualizá-la em qualquer dispositivo, quando e onde quiser. Basta realizar seu cadastro no site da Vivo.

É importante destacar que na primeira fatura podem aparecer cobranças adicionais. Elas são referentes à instalação dos serviços, bem como a contratação dos mesmos. Depois você pode se cadastrar no site, para que consiga ter o controle online. Escolha se quer acessar a fatura ou recebe-la por e-mail. Preencha seus dados na página Meu Vivo, incluindo CPF e uma senha. Imediatamente você será direcionado ao seu boleto digitalmente.

Acessando pela internet, você vai verificar as suas linhas, serviços e planos que solicitou. Além disso, você pode acompanhar todo o consumo de dados, entrar em contato com um atendente da Vivo e até fazer troca de equipamento, caso haja algum defeito.

Você pode também receber sua fatura Vivo pelo celular sabia disso? Veja só como é simples: Envie gratuitamente a palavra Conta para o número 1058. Responsa a solicitação e receba seu boleto por mensagem, sem custos adicionais.

Interpretar sua fatura Vivo nunca foi tão fácil
fatura vivo

Depois dessas dicas e explicações de como compreender corretamente sua conta da Vivo, basta ficar atento a todas as descrições. Verifique também se todos os seus dados cadastrados estão corretos, de acordo com o pedido de contratação. Em caso de alguma dúvida ou reclamação, entre em contato com o suporte da Vivo.

Logo no fim da primeira página, estará impresso um código de barras para que o pagamento seja realizado no prazo do vencimento. Se o cliente realiza o pagamento por débito automático, desconsidere esse formato. Caso o cliente pague após o vencimento, os juros e multas serão contabilizados no próximo mês.

Viu só como não é difícil? Escolha a melhor forma de consultar sua fatura Vivo.  Só fique de olho na data de vencimento para não correr o risco de pagar juros.

Se você ainda tiver alguma dúvida, entre na página “Perguntas Frequentes” na página da Vivo Fibra lá, estão os principais questionamentos feitos por clientes e as respostas fornecidas pelo suporte da operadora.

Posted in Finanças | Comments closed

Entenda Como o Café Atrapalha a Digestão

digestao cafe

O café é um dos hábitos mais enraizados no dia a dia de todo e qualquer brasileiro. Seja durante o café-da-manhã, depois do almoço ou aquele cafezinho fraquinho no fim da tarde, de modo geral há muito poucos que não tomam o “líquido da produtividade” diariamente.

Mas apesar de ser um hábito diário para muitos e um vício para uma outra grande parcela, o consumo de café em excesso traz malefícios à saúde. De maneira geral, nada em excesso é benéfico ao nosso corpo.

Até hoje não se tem claro se o café mais atrapalha ou ajuda a nossa digestão, esse é realmente um assunto que divide o público, contudo, vamos expor aqui como o café pode fazer bem e/ou mal à sua saúde. Continue lendo para aprender mais sobre essa bebida tão consumida pelos brasileiros.

OS DOIS LADOS DO CAFÉ

digestao cafe

Vilão ou mocinho? Quando se trata do café uns odeiam, já outros defenderão seu líquido da produtividade com unhas e dentes. Contudo, por que não se permitir ver as coisas como um meio termo?

O lado positivo da história

Depressão, estresse, câncer, memória, diabetes e até produtividade, o café pode auxiliar a sua saúde de diversas formas. Isso se dá porque esse grão é cheio de substâncias químicas que terão diversos efeitos em seu corpo. Além da famosa cafeína, também podem ser encontrados trigonelina, aminoácidos, carboidratos, minerais, lipídios, antioxidantes etc.

Isso faz com que soe como uma refeição inteira, certo? Mas não é bem assim, as concentrações das substâncias variam bastante entre si e em cada tipo de café e preparação do grão, então, não se espera que cafés de baixa qualidade sejam tão ricos nessas substâncias quanto os considerados premium.

O lado negativo da história

Apesar de todos os pontos positivos que apontamos acima, o café também pode trazer algumas complicações para os viciados nessa deliciosa bebida.

Dentre os efeitos negativos causados pela cafeína estão:

  • Irritabilidade;
  • Ansiedade
  • Dor de estômago;
  • Insônia;
  • Nervosismo e inquietação;

Mas quando o assunto é digestão de alimentos o caso fica um pouco mais complicado. Apesar de estimular a secreção de suco gástrico (motivo também para dor de estômago) e o movimento do intestino a bebida acaba prejudicando a absorção de diversos nutrientes essenciais como vitaminas e minerais.

Os taninos e a cafeína presentes diminuem a assimilação de cálcio e vitamina C, por exemplo. Sendo assim, a melhor hora para você tomar o seu cafezinho é algum tempo após as suas refeições, assim, você irá aproveitar todo o potencial nutritivo da sua alimentação.

Mas o café não é o vilão, outros alimentos têm efeitos similares e, a longo prazo e com consumo excessivo, podem causar problemas.

Tomar café não é um hábito ruim, contudo, como tudo na vida, deve ser feito com certa cautela. Dessa forma, fique atento aos do excesso de café sinais que mencionamos anteriormente.

Posted in Saúde | Comments closed

Dicas para comer sushi de forma saudável

Quem não ama a comida japonesa? Principalmente o sushi que é muito famoso aqui no Brasil onde é consumido bastante, mas será que essas comidas deliciosas são realmente saudáveis?

Isso porque alguns ingredientes presentes podem transforma os pratos saborosos em uma verdadeira bomba de calorias. Mesmo os peixes e os legumes sendo alimentos saudáveis ricos em proteínas, antioxidantes, ômega3, vitaminas e minerais. Não é recomendado consumir exageradamente o correto seria optar por opções mais saudáveis.

No entanto, existem algumas dicas para comer sushi de forma saudável, mas antes é preciso saber algumas informações a respeito da sua composição observe abaixo.

Cuidados com o sushi

É muito importante ter cuidado com cada porção do sushi, pois os seus complementos são muito calóricos.

Salmão e atum

Os dois possuem uma quantidade de 40 calorias em media. Então consumir 10 unidades é uma refeição você ingerir 400 calorias. Da mesma forma são os pedaços pequenos eles engordam cerca de 20 calorias, ou 200 calorias a cada 10 unidades. Vale lembrar que o poder calórico aumenta de acordo com os ingredientes da receita e do molho de acompanhamento.

Molho Shoyu

É muito importante tomar cuidado com a escolha do acompanhamento do sushi. Pois em cada colher de sopa do molho shoyu há 15 calorias e em excesso podem acumular líquidos no corpo e faze-lo ganhar peso.

Quantidade de sal e sódio

O sushi engorda devido a grande quantidade de sal e sódio que estão presentes na receita e nos molhos de acompanhamento. Por exemplo, uma porção de sushi pode existe apenas uma 1 grama de sal, mas o arroz também pode está salgado.

Sem contar também os legumes em conserva que também possuem sal. Por isso, é necessário comer de forma controlada, pois o excesso de sal pode causar a elevação da pressão arterial.

Rolos de algas do sushi

Sushi é um alimento que se encontra envolto ao lençol frágil de algas. Há fibras, ferro, cálcio e potássio em baixa quantidade. Ou seja, ao comer seis unidades o organismo consome apenas 1 grama de algas, o que não chega perto de 1 por cento do índice de ferro e cálcio necessário no consumo diário.

O que fazer para comer sushi de forma saudável

sushi saudavel

Você precisa não parar de consumir o sushi para continuar tendo uma vida mais saudável, mas é preciso adotar algumas medidas para que o consumo não afete o seu corpo observe abaixo:

  • Evite consumir em excesso o molho Shoyu ou outro tipo de acompanhamento que vem no sushi, pois eles são repletos de calorias e vão ajudar no aumento do peso.
  • Opte por sushi que tenha maior quantidade de peixe do que itens de acompanhamento. Dessa forma é possível saciar a fome comendo menos unidades em cada refeição.
  • Depois de encerrar as refeições selecione frutas como sobremesa em vez de rolinhos de chocolate e outros doces de restaurantes japoneses.
  • Consuma o sushi sempre acompanhado de legumes frescos. Pois os produtos em conversa geralmente são repletos de sódio.

Conclusão

A culinária japonesa é muito saborosa, mas se você quiser continuar comendo sem afetar a sua saúde é preciso seguir estas dicas para comer sushi de forma saudável.

Referência: http://querofazersushi.com.br/

Posted in Saúde | Comments closed

Google Adwords vs Facebook Ads: qual é o melhor?

Essa é a principal dúvida de quem planeja uma estratégia de marketing digital para não só tornar a sua empresa e/ou marca uma referência no mercado, como também para alavancar as vendas e atrair mais clientes em potencial.

Mas por que o Google Adwords e o Facebook Ads ganham destaque nesse momento? Simples, esses são os dois principais canais de divulgação da internet. Qualquer empresa e/ou marca que deseje alavancar o seu faturamento deve, obrigatoriamente, pensar nessas duas ferramentas.

google facebook qual melhor

Elas ganham destaque devido a sua abrangência, recursos e os resultados que proporcionam. Ao longo deste artigo você poderá encontrar diversas informações sobre cada uma delas e ainda solucionar a questão “Google Adwords vs Facebook Ads: qual é o melhor?”.

Continue lendo e descubra como conseguir desenvolver a melhor estratégia de marketing digital para a sua empresa e/ou marca, utilizando a ferramenta adequada para torná-la infalível e ainda encontrar a resposta para a pergunta Google Adwords vs Facebook Ads: qual é o melhor?

Google Adwords e Facebook Ads

Antes de responder a pergunta “Google Adwords vs Facebook Ads: qual é o melhor?” É necessário que você entenda um pouco mais sobre cada uma dessas ferramentas e como elas funcionam. Nesse sentido, logo abaixo você poderá encontrar informações detalhadas e privilegiadas sobre o Google Adwords e o Facebook Ads.

É importante também que você estude o mercado para poder fazer anúncios com maior potencial de retorno, uma indicação nossa, é o Blog NucleoExpert, que tem feito um excelente trabalho na produção de conteúdo no Marketing Digital (clique aqui) para acessar o NucleoExpert.

Após conhecer melhor cada uma dessas ferramentas de marketing, você poderá saber Google Adwords vs Facebook Ads: qual é o melhor?. Confira:

facebook e redes sociais

O que é o Google Adwords

O Google Adwords é uma ferramenta de marketing digital, que funciona da seguinte forma: quando os usuários do Google fazem uma pesquisa, eles recebem como primeiros resultados uma lista de sites que são considerados como os mais relevantes e de melhor qualidade segundo os padrões do Google. No entanto, os sites que são anunciados por meio do Google Adwords surgiram no topo dessa lista.

Quando uma empresa e/ou marca anuncia no Google Adwords, o site da mesma ficará estrategicamente posicionado entre os primeiros resultados. Uma vez que ele fica evidente para os usuários, a quantidade de cliques no site aumenta, sobretudo devido ao fato de que mais de 90% dos usuários do Google não acessam as demais páginas do site de busca.

É importante destacar que esse não é o único recurso oferecido por essa ferramenta, mas sim o mais relevante. Agora, veja quais são as vantagens e desvantagens dessa ferramenta, para então conseguir encontrar a resposta à pergunta: Google Adwords vs Facebook Ads: qual é o melhor?

Vantagens e Desvantagens do Google Adwords

A maior desvantagem dessa ferramenta é sem dúvida a grande quantidade de concorrentes. Sim, para que o site da sua empresa e/ou marca possa se destacar e ficar entre os primeiros resultados do Google é necessário um estudo aprofundado das palavras-chaves.

Mas isso não é tudo, também é necessário manter uma contínua otimização das campanhas e estratégias de marketing. Caso contrário, é muito improvável que o site ganhe relevância suficiente para atrair a atenção dos usuários do Google.

Uma grande vantagem do uso dessa ferramenta, além da grande abrangência da mesma, é que é possível elaborar campanhas de marketing a baixo custo e ainda assim obter resultados significativos. É preciso levar isso em consideração para conseguir responder a pergunta Google Adwords vs Facebook Ads: qual é o melhor?

O que é o Facebook Ads

Assim como o Google Adwords, o Facebook Ads é considerado uma excelente ferramenta de marketing digital. Por meio dele, as empresas e/ou marcas podem publicar os seus anúncios no Facebook e atrair e alavancar a interação do seu público-alvo na página da mesma nessa rede social.

No entanto é necessário que o público-alvo esteja bem definido. Caso contrário, a empresa e/ou marca podem atrair um público que não é qualificado, ou seja, que não tem interesse no conteúdo, no produto ou no serviço que é oferecido pela mesma.

Além disso, é necessário que os anúncios não só sejam esteticamente atraentes, é preciso que também transmitam conteúdo de qualidade para que o público-alvo fique instigado a visitar a página da empresa e/ou marca na rede social ou no site. Confira a seguir algumas vantagens e desvantagens dessa ferramenta, assim você poderá encontrar a solução para a pergunta: Google Adwords vs Facebook Ads: qual é o melhor?

Vantagens e Desvantagens do Facebook Ads

A principal desvantagem de utilizar o Facebook Ads é sem dúvida o fato de que as pessoas que acessam a rede social não estão a procura de um produto e/ou serviço para comprar. Diferente daquelas que fazem pesquisas no Google, por exemplo. Isso faz com que ela contribua apenas como uma forma de reconhecimento da empresa e/ou marca pelo seu público-alvo.

Em contrapartida, existe uma grande vantagem com relação ao uso dessa ferramenta como estratégia de marketing: a segmentação do público-alvo. Diferente da ferramenta anterior, que atinge a todos aqueles que fazem pesquisas usando determinadas palavras-chaves, no Facebook Ads, você pode definir quem é o seu público, quando ele deverá ver o anúncio e em que local do seu perfil.

Isso faz com que essa estratégia seja altamente efetiva no que se refere a transmitir o conteúdo e fazer com que o usuário perceba a existência daquela empresa e/ou marca. Com isso em mente, você poderá encontrar a resposta a pergunta Google Adwords vs Facebook Ads: qual é o melhor?

Google Adwords vs Facebook Ads: qual é o melhor

Depois de conhecer as principais características de cada uma das ferramentas de marketing digital, chegou o momento de esclarecer a inquietante pergunta. Afinal, Google Adwords vs Facebook Ads: qual é o melhor?

Ambas. De acordo com especialistas na área, o ideal é que você explore as duas ferramentas de marketing, pois isso irá garantir não só o aumento da conversão que é proporcionado pelo Google Adwords, como também a consolidação do posicionamento da empresa e/ou marca no mundo digital, que só pode ser alcançado por meio do Facebook Ads.

Posted in Marketing Digital | Comments closed

Motivos Que Levam Ao Investimento Em Títulos Públicos

Existem diversos motivos que levam ao investimento em títulos públicos e em razão da sua enorme importância resolvemos escrever sobre esse tema.

Os títulos públicos fazem parte do mundo da renda fixa e são muito interessantes em termos de segurança e de rentabilidade.

como e possivel renda fixa trazer retornos elevados

Eles são 100% garantidos pelo Tesouro Nacional, possuem alta liquidez, seus custos são baixos, dentre vários outros motivos.

Vamos então aos motivos pelos quais você deve investir em títulos públicos.

 

Invista nos Títulos Públicos do Tesouro Direto

Vamos agora elencar alguns dos motivos que levam ao investimento em títulos públicos, pois isso irá nortear o seu poder decisão.

investimento em titulos publicos

O primeiro motivo diz respeito a simplicidade na parte operacional de compra e venda dos títulos, já que tudo é realizado pela internet.

Outro motivo diz respeito aos baixos custos envolvidos, possuindo uma tributação com alíquotas regressivas e que incidem apenas sobre o lucro auferido, bem como aos baixos custos de taxas de custódia e de administração.

Dentre os motivos que levam ao investimento em títulos públicos está a garantia do Tesouro Nacional sobre a totalidade dos valores investidos.

Os títulos possuem liquidez e podem ser comprados e vendidos num prazo muito curto.

O motivo que mais atrai investidores e que poderá fazer com que você invista em títulos públicos é a sua grande diversidade de papéis ofertados, permitindo que você escolha quais os títulos que melhor irão se adequar ao seu perfil de investidor.

Vale aqui a dica para você investir no Tesouro IPCA+, que foi considerado um dos melhores investimentos dos últimos 10 anos.

 

Tesouro IPCA+ O Melhor Investimento dos Últimos 10 Anos

Tenho certeza de que você não sabia que o Tesouro IPCA+ foi considerado como sendo o melhor investimento dos últimos 10 anos, mas não se preocupe porque você não está sozinho.

invista nos titulos publicos do tesouro direto

Apesar da grande veiculação sobre os títulos públicos, os investimentos em Tesouro Direto ainda estão fora do cotidiano de muitos brasileiros.

E aqueles que conhecem, muitas vezes não se atentam com relação à todos os benefícios que essa modalidade de investimento proporciona.

Fique comigo e descubra porque o Tesouro IPCA+ pode se tornar mais rentável do que muitas ações listadas na Bolsa de Valores, se aplicado de maneira consciente e alinhado com os seus objetivos financeiros.

 

Como é possível a Renda Fixa trazer retornos elevados?

Saber que é possível um investimento de renda fixa trazer retornos elevados é o primeiro passo para você usufruir de tais benefícios.

Não existe segredo, os retornos expressivos do Tesouro IPCA+ decorrem da valorização futura do preço dos títulos investidos, simples assim.

tesouro ipca melhor investimento dos ultimos 10 anos

Se os títulos se valorizaram, você ganhará essa valorização, por outro lado, se os títulos desvalorizaram, basta você carrega-los até a data de vencimento para receber a taxa contratada, que será acima da inflação do período.

A valorização do preço dos títulos acontece nos momentos de queda da taxa de juros e, por sua vez, a queda da taxa acontece em razão da cotação do mercado.

A cotação do mercado varia em decorrência de fatores macroeconômicos como a Taxa Selic, inflação e decisões políticas.

Sobrevindo um momento de estabilidade política, de medidas voltadas para o crescimento econômico do país ou a superveniência de quaisquer outras decisões em prol da segurança dos investidores, a taxa de juros dos títulos cai e seu preço sobe.

Essa subida no preço dos títulos é que fez com que o Tesouro IPCA+ tivesse retornos elevados nos últimos 10 anos.

Por isso, vale a pena investir no Tesouro IPCA+, tanto para fins de proteção do seu patrimônio contra a inflação, como também para fins de futura valorização

COMPARTILHE nas redes sociais.

Posted in Finanças | Comments closed

As Melhores Dietas Para Perder a Barriga

Quando falamos em dieta para perder a barriga, certamente muita gente se interessou por essa temática, homens, mulheres, adolescentes, idosos. Esse público é bastante amplo e a culpa disso é a alimentação que temos levado no século XXI.

Perder a barriga é uma comoção global e grande parte da culpa para ter gordura localizada nessa região é necessariamente da alimentação. Excessos de massas, doces, refrigerantes, bebidas alcoólicas, carboidratos simples em geral.

Entendemos o incomodo causado por uma barriga um pouco saliente, pode começar pequeno, mas, logo traz bastante desconforto e também é um grande empecilho na busca do bem-estar quando falamos da relação consigo mesmo.

dieta perder barriga

Falaremos nesse texto das dietas para perder a barriga e voltar a sentir-se bem consigo mesmo. Vale lembrar que a prática de exercício físico também é uma peça chave nesse processo, então, não adianta nada comer bem e ter um estilo de vida sedentário.

Perder a barriguinha sobressalente não se trata somente de uma questão estética, sua presença é um fator de risco comprovado para diversas doenças crônicas tais como colesterol (dislipidemia), pressão alta (hipertensão), diabetes e diversos outros problemas de saúde.

Então, perca essa ideia que estar em forma é uma questão somente de estética e é completamente frívolo se preocupar com isso. Essa é, certamente, uma mentira. A circunferência abdominal impacta mais em sua saúdo do que o que você imagina.

Também vale ressaltar que reestruturar os seus hábitos alimentares (dieta), não consiste em fechar a boca para tudo, mas sim, iniciar um ciclo de reeducação alimentar que deve ser levada para a vida não somente no verão que você quer usar a sua roupa de banho favorita.

As dietas para perder a barriga

dieta perder barriga

Para a dieta ser efetiva, você deve gastar mais calorias do que consome diariamente, está aí a importância do exercício físico que falamos no começo desse texto, mas, certamente a dieta é um grande passo na direção certa.

1.     Dieta Mediterrânea

Substituir total ou majoritariamente a carne vermelha por peixes e frutos do mar é um bom começo para o objetivo final. Esses alimentos são ricos em ômega 3, um ácido graxo que atua na desinflamação das células adiposas, onde a gordura do nosso corpo é armazenada, diminuindo seu volume. Também ajuda no metabolismo da glicose, impedindo que essa seja transformada em gordura.

2.     Dieta dos probióticos

Os lactobacilos contidos nesse alimento produzem substâncias que ajudam na manutenção do peso correto além de equilibrar a flora intestinal. Diversos estudos demonstram que a flora intestinal inadequada pode sim estar relacionada com o ganho de peso.

3.     Dieta dos Alimentos Integrais

Os integrais são ricos em fibras e carboidratos complexos que ajudam no ritmo intestinal e desaceleram a absorção de glicose pelo organismo.

4.     Dieta do Chá

Certamente quem está à procura de perder peso tem esses itens no armário da cozinha. Todos eles são cientificamente comprovados no auxílio da perda de peso, cada um por um mecanismo. O chá verde e o gengibre são termogênicos e aceleram o metabolismo, já o chá de hibisco impede a proliferação de células adiposas.

Essa são só algumas dicas que você pode facilmente incluir em sua dieta no dia a dia. Suas necessidades nutricionais nunca devem ser deixadas de lado para aderir a uma “dieta milagrosa”, consulte sempre um nutricionista. A reeducação alimentar é muito importante para sua saudade.

 

Aqui no JPeregrino, você encontra tudo para sua saúde e muito mais.

Posted in Saúde | Comments closed