O que é Marketing de Conteúdo

O Marketing de Conteúdo é uma das principais estratégias adotadas pelas marcas atualmente.

Ele deixou de ser uma tendência para se tornar realidade por conta da grande necessidade que os consumidores têm em adquirirem mais conhecimento referente àquilo que desejam comprar.

É por meio dele que as empresas mostram sua relevância e a relevância dos produtos e serviços que vendem. Além disso, conseguem ter uma visibilidade maior, uma vez que a internet aumentou – e muito – a concorrência.

Mais do que estar na internet, as marcas precisam atrair a atenção de seu público-alvo, pois seu concorrente está fazendo a mesma coisa.

Para isso, é necessária a adoção de boas estratégias para conquistar clientes. Em vista disso, especialistas em Marketing Digital garantem que o melhor caminho são os esforços para entregar o melhor conteúdo aos usuários.

No entanto, é importante dominar as práticas que envolvem a produção de materiais ricos e relevantes, pois por meio deles as marcas conseguem mostrar autoridade no assunto e conquistar a confiança dos consumidores.

Pensando nisso, neste artigo, vamos falar sobre o que é marketing de conteúdo, as principais estratégias e a importância de algumas ações.

O que é marketing de conteúdo

Marketing de conteúdo é uma estratégia que tem como objetivo fidelizar o público-alvo e aumentar o número de clientes de uma empresa. Isso acontece por meio da publicação de conteúdos relevantes para um público-alvo específico.

Eles podem ser distribuídos em diversos canais, tais como blogs, redes sociais, e-mail marketing, etc. Com isso, aumenta-se o engajamento do público e potenciais clientes são atraídos para a marca.

Então, se uma empresa de manutenção de gerador investe nessa estratégia, ela atrai, envolve e gera valor para as pessoas. Também cria uma percepção positiva e gera mais negócios.

Essa prática muda completamente o cenário que o marketing vivia antigamente, quando os consumidores eram simplesmente interrompidos pelas marcas divulgando seus produtos e serviços.

Os comerciais na TV são um exemplo disso, e apesar de ainda ser uma boa estratégia, hoje o consumidor tem mais autonomia e informação, por causa da internet.

Além disso, o foco é o desejo e a necessidade dos clientes, portanto, mais do que vender, o objetivo é oferecer soluções para eles. A venda é vista como uma consequência apenas.

Além de serem úteis, os conteúdos criados atingem o público certo e passam a mensagem certa para eles. Com isso, essas pessoas compartilham e os levam até outras pessoas.

E o resultado de ajudar as pessoas com informações que elas precisam é um aumento da propensão dos negócios. Ou seja, todas elas se tornam mais propícias a comprarem daquela marca que lhes ofereceu informações relevantes.

Portanto, o marketing de conteúdo está sempre trazendo resultados positivos para as empresas, desde fabricantes de placa solar para ar condicionado até os mais diferentes nichos de mercado.

Principais estratégias

Apesar de ser focado na produção de materiais, o marketing de conteúdo vai muito além. É necessário um planejamento que envolva a distribuição, o aumento da audiência e a mensuração dos resultados. 

Então, dentre as principais práticas estão:

  • Planejamento;
  • Elaboração da persona;
  • Criação;
  • Distribuição;
  • Mensuração de resultados.

Cada uma dessas estratégias é fundamental para que os esforços em marketing de conteúdo deem resultados. 

Então, aprofundando melhor cada uma delas, temos:

Planejamento

É importante planejar qual é o objetivo da estratégia. Para isso, deve-se estabelecer um cronograma das ações, as ferramentas que serão usadas e os responsáveis por cada tarefa.

Elaboração da persona

Saber quem é a persona é fundamental para qualquer empresa, desde uma loja de utensílios domésticos até uma fornecedora de estande de vendas.

Esse perfil detalhado mostra que tipo de pessoa compraria o produto ou serviço oferecido. Tal definição é importante para guiar toda a estratégia e produzir uma mensagem personalizada.

Criação de conteúdos

Quando falamos em conteúdos, falamos em materiais que podem assumir diversos formatos, tais como:

  • Textos;
  • Imagens;
  • E-books;
  • E-mails;
  • Infográficos.

Ou seja, em qualquer um desses formatos, estamos falando de conteúdo relevante que gere resultado. Vamos falar melhor sobre a importância e como usar cada um deles mais a frente.

Distribuição de conteúdo

É importante planejar como o conteúdo será distribuído, sendo imprescindível para alcançar o público certo. Só que para escolher bem o canal, é fundamental conhecer bem a persona.

Também é fundamental pensar no tipo de conteúdo e em quanto tempo a empresa tem para se dedicar aos canais escolhidos. Isso porque todos os eles precisam ser atualizados constantemente para colher bons resultados.

Mensuração

Por falar em resultados, se uma empresa de mão francesa ferro investe em marketing de conteúdo, é preciso que ela esteja sempre atenta a eles.

Conhecendo a fundo o público, é possível entender quais ações funcionam e quais não. Assim, é possível mudá-las para que as pessoas certas sejam impactadas.

Práticas importantes de marketing de conteúdo

Os conteúdos, além de assumirem diferentes formas, também podem ser veiculados em diferentes canais. 

Cada um deles representa uma prática importante para a estratégia, dentre os principais temos:

1 – Blog Posts

Ter um blog e publicar nele é muito importante para atrair novos consumidores. Por exemplo, se uma pessoa procura por rebolo para esmeril, vai começar um relacionamento promissor com aquelas marcas que aparecem nos primeiros resultados.

Só que para conseguir isso, o conteúdo do blog precisa ser interessante, ter relevância, além de o blog possuir um design atrativo.

Também é importante que cada texto seja revisado para que esteja sempre de acordo com as normas ortográficas e de gramática. Lembrando, ainda, que nenhum conteúdo deve ser plagiado ou copiado.

Também dentro desses materiais é fundamental o uso de palavras-chave, bem como incentivar o compartilhamento deles pelas redes sociais, para aumentar ainda mais o tráfego e o engajamento.

2 – E-mail marketing

Essa estratégia é muito importante para facilitar o contato e promover o relacionamento com os clientes.

Por isso, se uma creche que ofereça maternal 2 deseja usar uma prática tradicional de marketing de conteúdo, deve investir no e-mail marketing.  

Por meio dele, é possível deixar a mensagem com um tom mais pessoal, sem precisar fazer um alto investimento. 

Além disso, é possível assiná-lo com o nome da empresa, o que confere mais pessoalidade e inspira confiança.

É importante trabalhar com dados variáveis para o e-mail, além de evitar práticas que não são recomendadas, como a compra de listas de contatos e não permitir que o contato cancele seu cadastro no mailing.

3 – Vídeo Marketing

Conteúdos em vídeo são a grande tendência do momento e é importante que as marcas comecem a investir nisso.

Eles são necessários para atrair o consumidor, informá-lo e aumentar o engajamento. Só que para atingir esses resultados, é importante que eles sejam dinâmicos, tenham boa qualidade de áudio e boa produção.

Outros formatos que se encaixam nele são webinars e lives, que chamam a atenção do público e trazem um bom engajamento.

4 – E-books

Desde uma pequena empresa de entrega de marmita até uma montadora de automóveis, todas têm assuntos relevantes e esclarecedores que podem ser aprofundados para resolverem dúvidas de consumidores.

O e-book é uma maneira de fazer isso, além de ser muito importante para gerar leads. Eles são ricos em informações e são fornecidos em troca de alguns dados dos visitantes dos sites das marcas.

Quando uma empresa obtém esses dados, ela consegue estreitar a relação e se aproximar cada vez mais do lead. A partir daqui, as conversões em vendas se tornam mais fáceis.

Para isso, é importante que o e-book tenha um título atrativo, por exemplo, “Como instalar piso laminado claro”. 

Mas além do título, é indispensável que o próprio conteúdo atenda às expectativas do público, além de ser mais longo e completo.

Também é necessário que a empresa invista na criação de uma landing page eficaz. Para isso, ela não deve exigir muitos dados, pois acaba desestimulando as pessoas a fazerem o download.

Conclusão

A busca por informações por parte dos consumidores é algo que cresce a cada dia. A internet trouxe a eles a oportunidade de ter acesso a conteúdos que esclareçam todas as dúvidas referentes a produtos e serviços que desejam adquirir.

Com isso, eles se sentem mais seguros em relação a uma marca e fazem negócio com ela. Não obter informações de uma empresa, mesmo que a conheçam, além de provocar insatisfação, não facilita as vendas.

Portanto, mais do que querer vender, as marcas precisam focar naquilo que os consumidores desejam, que são informações que esclareçam suas dúvidas e garantam que tal produto ou serviço seja realmente aquilo que eles precisavam.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

This entry was posted in Marketing Digital. Bookmark the permalink. Both comments and trackbacks are currently closed.