2018: Como Consultar A TABELA FIPE?

Para quem busca comprar ou vender veículos usados ou seminovos, conhecer e saber como usar a tabela Fipe 2018 é de extrema importância.

como consultar tabela fipe 2018

No momento em que você compra o seu carro, mesmo ele sendo zero, o mesmo desvaloriza e será esta tabela que te ajudará a estabelecer um valor de venda compensador.

Também, é importante ao interessado na venda saber os valores do ano anterior da tabela, para se ter uma média de preços no momento da negociação.

Entretanto, os valores da tabela Fipe são utilizados para outras finalidades também, como determinar os valores pagos pelas seguradoras nos casos de indenização.

Assim, preparamos este artigo para você conhecer mais sobre esta tabela e saber como utilizá-la e não ser passado para trás na hora da compra ou venda de um veículo usado.

 

O QUE É A TABELA FIPE?

 

Criada em 1973 pela Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas é o principal referencial no mercado de carros usados e seminovos, como também citamos é usada pelas seguradoras para estabelecer valores de indenizações.

Os valores da tabela são estabelecidos de acordo com dados coletados em mais diversas fontes do mercado de automóveis, além do ano do veículo e conservação do mesmo.

Com estes valores é estabelecido uma média, pelo qual compradores e vendedores podem se basear no momento das negociações.

A tabela é mensalmente atualizada, porém saber de valores da tabela fipe 2018 ou de meses passados é imprescindível para você ter maior segurança no momento da transação.

Também, é importante saber que os valores da tabela são para veículos originais de fábrica, assim quanto mais velho o veículo, mais a tabela passa a ser irrelevante para o mesmo. Fora que antes de comprar um carro, é necessário você saber quais alterações o antigo proprietário realizou para aplicar os valores da tabela FIPE 2018.

 

COMO CONSULTAR A TABELA FIPE 2018?

 

Para realizar a consulta a tabela é muito simples e pode ser feita de duas formas diferentes e escolher a que você achar mais conveniente.

A tabela pode ser consultada no site oficial da Fipe ou em diversos portais especializados em carros.

Também, atualmente se tem até mesmo a possibilidade de baixar um aplicativo oficial para smartphone Android e IOS e acessar a tabela de forma rápida e fácil em qualquer local que você estiver.

Caso você opte pela consulta no site da Fipe, basta você clicar em “Consulta de Carros e Utilitários Pequenos” e preencher os campos necessários como a marca, o modelo e o ano do veículo para iniciar a sua pesquisa.

No site também há a possibilidade de consultar a tabela de valores para caminhões e micro-ônibus como também motocicletas.

Todo processo é muito simples e a própria FIPE conta com um vídeo explicativo antes para sanar todas as suas dúvidas em relação à pesquisa.

O site conta ainda com outras informações relevantes como, por exemplo, os índices e indicadores utilizados para estabelecer os valores.

 

A TABELA FIPE 2018 E OS SEGUROS

 

Outra informação relevante que você deve saber em relação a tabela fipe é a sua utilização pelas seguradoras.

Os valores da tabela são usados para definir os valores pagos pelas indenizações em casos de danos ao veículo.

Desta forma, no momento que você for fechar um seguro, negocie valores entre 100% e 110% em cima da tabela, deste modo você evita possíveis desvalorizações do seu veículo e não acaba saindo no prejuízo.

No momento do pagamento da indenização, os valores pagos serão de acordo com a tabela do mês, sendo sempre recomendável que você dê uma conferida.

A cobertura das indenizações que utilizam a tabela fipe variam, mas no geral as seguradoras cobrem incêndio, batida com perda total, roubo e furto, mas sempre é bom confirmar com a sua seguradora quais são as abrangências do seu seguro.

Nos dias onde o trânsito anda tão perigoso, é sempre bom contar com um seguro de ampla abrangência e com valores acima de 100 % da tabela.

Agora que você já sabe como a tabela fipe 2018 funciona e a sua importância, não há mais motivos para você ser passado para trás no momento da compra ou venda do seu veículo.

Lembrando que estes valores podem oscilar de acordo com a idade do veículo e com as modificações que o mesmo sofreu.

This entry was posted in Finanças. Bookmark the permalink. Both comments and trackbacks are currently closed.